Campanha da Embratur nos EUA resulta em acréscimo de US$ 5,7 milhões em viagens ao Brasil

Com o conceito “Brazil is visa-free. Come visit”, campanha veiculada entre fevereiro e abril provocou um aumento de 78% nas buscas pelo termo visitbrasil

Com ações na televisão, na internet e em mídia exterior, a campanha publicitária “Brazil is visa-free. Come visit”, realizada pela Embratur nos Estados Unidos, gerou acréscimo de US$ 5,7 milhões de dólares em viagens para o Brasil a partir dos Estados Unidos. Os resultados da campanha veiculada entre novembro de 2021 e abril deste ano apontam também para um crescimento de 78% nas buscas pelo “visitbrasil” em comparação ao mesmo período do ano passado.

Para essa campanha, foram divulgados um filme para TV e internet, peças digitais, mídia exterior digital, incluindo a veiculação em um dos centros comerciais mais impressionantes do mundo, a Times Square, em Nova York. Na TV, foram 1.673 inserções e 14.601.639 impactos – medição utilizada para indicar uma estimativa de quantas vezes as peças foram visualizadas pelo público. Em mídia exterior foram 1 milhão de inserções, com mais de 38 milhões de impactos. Já o conteúdo na internet registrou mais de 52 milhões de impactos, 12 milhões de visualizações de vídeo e mais de 127 mil cliques para o site visitbrasil.

O presidente da Embratur, Silvio Nascimento, comemora os resultados e aponta para novas ações de promoção dos destinos turísticos brasileiros no exterior para seguir atraindo turistas estrangeiros para o país. “Com essa campanha, a Embratur promove internacionalmente a imagem do Brasil para incrementar a entrada de visitantes estrangeiros, contribuindo para potencializar o ingresso de divisas e aumentar a relevância do turismo na geração de empregos e renda para nosso país”, avaliou Nascimento. “Os Estados Unidos são o segundo emissor de viajantes para o Brasil. Então é um mercado que precisamos manter sempre no radar. Nas próximas semanas devemos lançar mais uma campanha para este público”, adiantou o presidente da Agência.

A campanha

O principal objetivo da campanha Visa-Free foi reforçar ao público norte-americano a informação de que não é mais necessário emitir visto para entrar no Brasil como turista e incentivar o turismo no período da alta estação do país. Além disso, as peças publicitárias exaltaram os principais destinos turísticos, como as cataratas de Foz do Iguaçu e as praias do Nordeste, bem como as experiências que podem ser vividas em território nacional, como a riqueza da gastronomia e a hospitalidade do povo brasileiro.

A Agência também reforçou nos materiais as ações tomadas no país para a biossegurança contra o Covid-19, a adoção dos protocolos de segurança sanitária, materializados no selo “Turismo Responsável” emitidos pelo Ministério do Turismo para prestadores de serviços turísticos e a facilidade de entrar no Brasil.

Segundo maior emissor

Em 2019, antes da pandemia de Covid-19, os Estados Unidos foram o segundo país que mais emitiram turistas para o Brasil. Foram quase 600 mil norte-americanos vindo ao país, número que só fica atrás dos quase 2 milhões de argentinos que entraram em território brasileiro naquele ano.