TURISMO NÁUTICO

Inscrições para o Seatrade Cruise Awards 2024 ficam abertas até 31 de julho

Participação do trade turístico náutico brasileiro no prêmio é importante para dar destaque ao Brasil e aumentar o número de visitantes estrangeiros, melhorando o ambiente de negócios

Divulgação/Embratur
Segundo o presidente da Embratur, Marcelo Freixo, aumento de empresas e destinos do trade premiados fortalece o setor náutico brasileiro

09/07/2024 – O trade turístico náutico brasileiro tem até 31 de julho para se inscrever no Seatrade Cruise Awards 2024, a principal premiação da indústria internacional de cruzeiros. O presidente da Embratur, Marcelo Freixo, lembra que a participação massiva de empresas nacionais na disputa é importante porque aumenta a chance de destinos e serviços brasileiros do setor vencerem o concurso, trazendo mais destaque para o país no mercado internacional, ajudando a aumentar o número de visitantes estrangeiros e melhorando o ambiente de negócios como um todo.

“O aumento de destinos e empresas do trade premiadas significa o setor náutico crescendo em inovação, em economia e em relevância. E isso, claro, se reverte em geração de emprego e renda. Temos um setor náutico forte e com um potencial grande, também, e a Embratur tem uma parceria muito importante com a Clia Brasil [Cruise Lines International Association Brasil] justamente para incentivarmos esse crescimento, com sustentabilidade, com responsabilidade e cuidado com o meio ambiente. Então, é muito importante que o trade se inscreva e mostre isso para o mundo”, recomenda Freixo.

São 10 categorias que abarcam tanto o setor privado quanto o público. Interessados podem disputar como Porto do Ano, Destino do Ano, Excursão Terrestre Inovadora, Iniciativa de Cruzeiro de Expedição, Produto, Iniciativa de Sustentabilidade, Investimento em Pessoas, Personalidade da Seatrade do Ano e Conquistas na Seatrade do Ano. Governos e empresas interessados devem se inscrever pelo link: https://form.jotform.com/SeatradeCruise/seatrade-cruise-awards-2024-nom

Para o coordenador de Natureza e Segmentos Especiais da Embratur, Leonardo Persi, o trade náutico brasileiro merece essa premiação. “Nós da Embratur estamos fazendo a divulgação para dar maior visibilidade ao prêmio e aumentar o número de participantes do trade turístico brasileiro. Queremos o Brasil mais representado e com mais chances de receber títulos, obter uma posição de destaque que merecemos pelo nosso imenso potencial náutico, no que é o principal prêmio para a indústria internacional de cruzeiros”, lembra.

Potencial náutico
Os motivos para que o trade brasileiro participe do Seatrade Cruise Awards 2024 são diversos. O bom momento do setor é um deles. De acordo com os dados da Clia, que é a maior associação da indústria de cruzeiros no mundo, a temporada brasileira de cruzeiros marítimos de 2022/2023 registrou um aumento significativo na movimentação econômica. Foram mais de R$ 5 bilhões injetados na economia, com 79.567 postos de trabalho e recorde de mais de 800 mil cruzeiristas. 

Ainda de acordo com a associação, a geração de tributos foi de R$ 546,2 milhões, e a previsão é que a temporada 2023/2024 seja ainda melhor. E já no início deste mês, o Brasil levou o tri na categoria Melhor Destino para Cruzeiros da América do Sul no prêmio World Travel Awards (WTA), considerado o “Oscar do Turismo”, o que também mostra a força do setor. Os vencedores foram escolhidos por votação online no site da WTA.

Em junho, o Júri Nacional do Programa Bandeira Azul, integrado pelo coordenador e pela supervisora de Natureza e Segmentos Especiais da Embratur, Leonardo Persi e Rafaela Lehmann, escolheram os candidatos à premiação da temporada 2024/2025. Ao todo, 38 praias e 11 marinas serão recomendadas ao Júri Internacional. A decisão final sai em setembro. Em outubro do ano passado, o país conseguiu a certificação para 31 praias e 11 marinas para a temporada de 2023/2024.